Não há como negar!


Por VINICIUS AGUIAR
“Estou editando um decreto para que em todos os domínios do império os homens temam e reverenciem o Deus de Daniel. “Pois ele é o Deus vivo e permanece para sempre; o seu reino não será destruído, o seu domínio jamais acabará. Ele livra e salva; faz sinais e maravilhas nos céus e na terra. Ele livrou Daniel do poder dos leões”. -- Daniel 6.26-27


Ótimo dia, meus manos e minhas manas! Tudo bem com todo mundo por aí? Espero que sim!

O episódio em que Daniel, homem de Deus, é jogado aos leões famintos e os leões não o fazem mal algum, é bem conhecido por todos nós. Sabemos que houve uma intervenção divina ali, um milagre, algo que, em condições normais jamais aconteceria. Mas, como foi isso, e depois o que isso gerou?

Sou bem cauteloso ao analisar esses “milagres modernos” nas “igrejas modernas” e explico: Tudo que Deus faz, tem um propósito muito bem definido, as vezes não entendemos “de cara”, mas Deus sempre tem. A glória de Deus sempre vai ser manifestada ali, e, hoje em dia, o que vemos são líderes, ministérios, e apóstolos querendo aparecer; são milagres meio que forjados, forçados com o único intuito de impressionar e trazer glória ao “milagreiro gospel” ou ao “excelente impressionante magnífico e tremendo ministério”; Deus que é bom...... E exatamente por isso ainda vemos tantas igrejas lotadas e carregadas desses “milagres” (entre aspas mesmo) e tão poucos crentes genuínos por aqui.

Muito diferente é o que vimos ali, com Daniel. Veja o decreto de um rei, até então completamente descrente, que até então queria a glória, a adoração para si: “Estou editando um decreto para que em todos os domínios do império os homens temam e reverenciem o Deus de Daniel.” Ele não disse: “Daniel, esse cara é tremendo, espetacular, esse é um homem de fé, honrado, homem de Deus, venham, vamos ouvir mais da boca dele, esse é “o cara” e blá blá blá...” Ele simplesmente disse: Temam e reverenciem ao Deus de Daniel.

E aí, meus caros, quando temos uma vida íntima com Deus, quando o milagre não é fabricado, mas, de fato gerado por Deus, não há como negar, não há como argumentar contra, não há como provar o contrário, todo joelho se dobra, o descrente vira crente, todo mundo espalha a notícia, e, claro, Deus e somente Deus é exaltado.

A afirmação do rei é forte, muito forte: “Pois ele é o Deus vivo e permanece para sempre; o seu reino não será destruído, o seu domínio jamais acabará. Ele livra e salva; faz sinais e maravilhas nos céus e na terra. Ele livrou Daniel do poder dos leões”. Isso são palavras de alguém que não teve como negar, de alguém que, diante de tão explicito milagre temeu, tremeu, adorou, admirou e creu em Deus. E, claro, não quis levar consigo o peso de não espalhar o que aconteceu, de não instruir os demais a respeito do que viu.

Que sejamos como Daniel, homens e mulheres de Deus, de intimidade com Ele, de fé, que não retrocedem diante de ameaças, sejam elas físicas ou intelectuais, que não temem o ímpio, o descrente, que tantas vezes insiste em ridicularizar a nossa fé. Que sejamos firmes e confiemos sempre que Deus fará grandes coisas em nossas vidas e, no final, seremos o canal para que mais e mais pessoas se acheguem até Ele e, assim como aquele rei, exclamem: “Temam e reverenciem esse Deus porque eu vi o que Ele pode fazer, ele realmente é Deus”.


0 Comentários em "Não há como negar!"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TEXTOS MAIS ACESSADOS