Confessando os pecados

Tiago 5. 16. Confessai, portanto, os vossos pecados uns aos outros, e orai uns pelos outros, para serdes curados. A súplica de um justo pode muito na sua atuação.

Um dia normal de verão e como são os finais de semana, o hospital da grande cidade esta lotado. Os doentes são colocados em leitos improvisados nos quartos, salas de espera, corredores, cada canto é precioso.
Em meio a esse cenário de caos, um médico corre de um lado a outro, tentando verificar as enfermidades, tratar as feridas, aplicar algum remédio. Embora seu ânimo seja louvável, há algo estranho, alguma coisa não parece bem…
Algumas semanas se passam e o número de doentes aumenta, mas algo trágico! Os falecimentos também. Uma olhada cuidadosa pelos leitos revela algo ao mesmo tempo intrigante e triste, deitado em um leito, esta o voluntarioso médico, e por quê?
Era alguém tão bom!
Somos constantemente impulsionados e incentivamos pessoas a amar o próximo, ajudar aqueles que estão mais fracos e carregar as cargas deles.
Mas um primeiro cuidado deve ser sempre tomado, estar sarado!
Como vimos acima, esse médico embora extremamente zeloso, adoeceu e o motivo?
Estava doente também, e com imunidade baixa, por mais cuidadoso que fosse, acabou contraindo uma enfermidade.
Tiago nos aconselha a confessar nossos erros para que sejamos sarados, perfeição na terra nunca teremos, mas o primeiro passo sempre é identificar o problemas, reconhecer que precisa de tratamento e tratá-lo.
Lembra do ocorrido durante as gripes suínas e aviárias? Pessoas de baixa resistência não circulavam pelos ambientes contaminados.

0 Comentários em "Confessando os pecados"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TEXTOS MAIS ACESSADOS