Não deixe apagar o fogo



Era mais um dia frio de inverno, ele se encolhia entre uma velha manta e o fogão a lenha. A chama estava bem fraca, pois havia resistido durante a noite toda com os poucos galhos que restavam.
Só havia uma escolha encarar o frio e ir em busca de mais lenha, o caminho antes cheio de árvores contava com poucas árvores,  e isso lhe cortava o coração mais que o vento gelado em seu rosto.
As árvores que restavam eram as que havia plantado juntamente com seu falecido pai. Esta sua dura opção, cortar fora lembranças que figuravam por meio daquelas árvores e manter-se aquecido ou agarrar a símbolos e ceder ao frio...

O desejo do Senhor para nós é que o fogo jamais se apague, para isto havia deixado uma orientação, os sacerdotes deveriam levantar-se pela manhãs e colocar lenha, assim o fogo jamais se apagaria. A lenha pode ser representada pelas coisas que necessitamos lançar ao fogo, e o Senhor purifique de nossas vidas.
Mas a pessoas que mantém alguns como "pecados de estimação", que resistem por tempos ou abrir de algo seja custoso devido ao que representa, então uma pergunta se levanta o que é mais importante, tais coisas ou a chama de amor por Ele?.

0 Comentários em "Não deixe apagar o fogo"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10