Muito além das estrelas (Júlio César e Marlene) # Jerusalém e eu (Denise Cerqueira)

Olá! Que a paz de Cristo Jesus esteja com você hoje e sempre!
O primeiro hino do Baú Musical hoje tem por título “Muito Além das Estrelas”, de Julio Cesar e Marlene.


E vi um novo céu, e uma nova terra. Porque já o primeiro céu e a primeira terra passaram, e o mar já não existe. E eu, João, vi a santa cidade, a nova Jerusalém, que de Deus descia do céu, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido. Apocalipse 21:1-2




MUITO ALÉM DAS ESTRELAS

Enquanto os homens investem, em conquistas espaciais
Para chegar aos planetas, perdem suas vidas sem nada ganhar
O crente fiel segue firme, investe na obra de Deus
Em fé permanece seguro, sua oração é o contato com Deus

Muito além das estrelas, vou morar, vou morar
Canto a esperança do crente fiel: Cristo virá nos buscar

Embora o tempo passado, as marcas da cruz posso ver
Um dia Jesus lá do alto exclamou: Tudo está consumado!
Vivamos então para Cristo, com sinceridade no andar
Pra glória iremos cantando, a nave do Espírito irá nos levar.

O próximo hino tem por título “Jerusalém e Eu”, interpretado por Denise Cerqueira

Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados. Isaías 53:4-5



JERUSALÉM E EU

Naquela multidão só Ele tinha a cruz, 
A fim de perdoar o meu pecar. 
E eu não fui capaz de defender sua dor 
Sabendo que fez tudo por amor. 
Que mal terrível sobre si Jesus levou, 
Enorme diferença ao mundo fez.
Eu lembro seu olhar na minha direção 
Rogando ao pai perdão para Jerusalém 
Rogando ao pai perdão para Jerusalém 

Eu não quero errar outra vez 
E apesar dos meus erros, refez 
A aliança que eu mesmo quebrei 
Meu pecado deixou lá na cruz 
Quando ressuscitou meu Jesus, 
Minha vida começou outra vez. 

Oh meu Senhor! Jerusalém te machucou 
Senhor...Mas eu também já te neguei. 
Por vezes quis fingir 
Dizendo tê-lo em mim, 
Mas lá no fundo eu fui Jerusalém... 
Mas outra chance recebeu Jerusalém...


Que Deus abençoe você e sua família
Na paz de Cristo,
Queila Freitas

0 Comentários em "Muito além das estrelas (Júlio César e Marlene) # Jerusalém e eu (Denise Cerqueira)"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10