Be Thou my Vision (Seja a minha visão)

Por Queila Freitas

Olá Pessoal! Paz de Cristo!
Hoje eu trouxe a história que envolve esse hino -“Be Thou my Vision” - que em português a tradução é algo como “Seja a Minha Visão”. Esse é um hino tradicional da Irlanda; no Brasil nem é tão conhecido, mas o cantor David Quilan, que não por acaso é irlandês e naturalizado brasileiro, gravou uma versão em português - “És a minha visão”, e eu gostaria de compartilhar isso com vocês aqui hoje.
Deixarei dois vídeos para vocês verem, um instrumental e outro a versão em português.


Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. (Mateus 28:19)





ÉS A MINHA VISÃO

Deus da minha vida, és a minha visão 
Nada me afaste do teu coração 
De dia e de noite eu penso em Ti 
A tua presença é luz para mim

Só Tu és a fonte de todo saber 
Sempre contigo eu quero viver 
Sou teu filho amado, és meu Pai de amor 
És um comigo para sempre Senhor

Não anseio riquezas tendo o homem louvor 
És minha herança eterna Senhor 
És a minha essência, tens meu coração 
És meu tesouro e o meu galardão 
És meu tesouro e o meu galardão

Deus de toda glória a batalha venceu 
Minha alegria dos céus desceu 
Não importa o que aconteça pra sempre serás 
Meu Deus minha vida e a minha visão

Patrick nasceu em A.D, 373, ao longo das margens do rio onde agora é chamada Escócia. Seu pai era diácono e seu avô um padre. Quando Patrick tinha mais ou menos 16 anos, invasores desceram em sua pequena cidade e incendiaram sua casa. Quando um dos piratas o viu no mato, ele foi apreendido, transportado a bordo do navio, e levado para a Irlanda como um escravo. Lá, ele entregou a sua vida ao Senhor Jesus. “O Senhor abriu minha mente para uma consciência de minha incredulidade” Ele escreveu mais tarde “A fim de que eu possa lembrar as minhas transgressões e voltar-me de todo o coração ao Senhor meu Deus.”
Patrick eventualmente escapou e voltou para sua casa, sua família muito feliz implorou para que ele nunca os deixasse novamente. Mas uma noite, em um sonho que lembra da visão de Paulo do homem da Macedônia em Atos 16, Patrick viu um irlandês suplicando-lhe para vir evangelizar a Irlanda. Não foi uma decisão fácil, mas Patrick, agora com cerca de trinta anos, voltou para os seus antigos captores com apenas uma bíblia em sua mão. Ele começou a evangelizar e as multidões vieram para escutar, os druidas supersticiosos se opuseram a ele e procuravam a sua morte. Mas sua pregação era poderosa, e Patrick tornou-se um dos evangelistas mais frutíferos de todos os tempos, plantando cerca de 200 igrejas e batizando 100 mil convertidos. Sua obra frutificou, e vários séculos mais tarde, a igreja irlandesa ainda estava produzindo hinos, orações, pregações e canções de adoração. No século VIII, um poeta desconhecido escreveu uma oração pedindo a Deus para ser a sua visão, a sua sabedoria, e seu melhor pensamento de dia ou de noite. Em 1905, Mary Elizabeth Byrne, uma bolsista em Dublin, Irlanda, traduziu este poema irlandês antigo para o Inglês. Outro estudioso, Eleanor casco de Manchester, na Inglaterra, trabalhou a tradução de Byrne em versos com rima e métrica. Pouco tempo depois, foi acrescentado a este poema uma tradicional melodia folclórica irlandesa chamada "Slane" que é o nome de uma área na Irlanda, onde Patrick havia desafiado druidas locais com o evangelho.



Fonte: Livro: Then Sings my soul: 150 of the world's greatest hymn stories – Robert Morgan

0 Comentários em "Be Thou my Vision (Seja a minha visão)"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10