Recomeçar, mudar, resgatar aquilo que foi perdido; é possível?

Por Isabela Silva.

Serei achado de vós, diz o Senhor, e farei mudar a vossa sorte; congregar-vos-ei de todas as nações e de todos os lugares para onde vos lancei, diz o Senhor, e tornarei a trazer-vos ao lugar donde vos mandei para o exílio.” (Jeremias 29. 14).


Olá, gente linda de Deus! 
Que a paz do nosso amado Senhor esteja com todos.

Quero iniciar nossa reflexão de hoje com trechos do louvor “Buscar tua face é preciso”, da cantora Ludmila Ferber. 

“Quando tudo parece estranho ao redor
Buscar tua face é preciso, Deus
Quando a gente não sabe o que está ocorrendo
Buscar tua face é preciso, Deus
Quando a fúria dos ventos vem contra nós
E a vontade é sumir e calar a voz

É nessa hora que a gente precisa lutar
E jamais desistir
Justamente agora é o momento de se humilhar
E buscar a face de Deus...”

Quem nunca passou por momentos como estes em que o vento sopra mais forte e as nossas forças se esgotam? Às vezes a dor é tão grande que dá vontade de realmente sumir, entregar os “pontos”, desistir de tudo e calar a voz, parando de orar e até mesmo de crer que esta situação pode ser revertida.   

No capítulo 29 de Jeremias, percebemos que o povo de Deus estava enfrentando uma situação como esta, eles estavam exilados na Babilônia. Em um momento tão difícil acredito que as pessoas estavam tristes, desanimadas, se sentindo desamparadas e, neste contexto, Deus usa o profeta Jeremias para falar com o povo. O Senhor disse para eles não acreditarem nos falsos profetas que estavam entre eles e também disse que a Babilônia seria o lar deles durante cerca de 70 anos. Fico imaginando o povo questionando como Habacuque: "Até quando Senhor???" E a resposta que eles recebem de Deus é de que o tempo de sofrimento ainda duraria aproximadamente 70 anos, parece bastante desesperador, não é mesmo?

Mas, mesmo o tempo de exílio sendo grande, Deus não havia se esquecido de seu povo e nem das promessas que havia feito a eles. “Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o Senhor; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais.” (Jeremias 29. 11). No entanto, estas promessas são condicionais, ou seja, se eles fossem fiéis ao Senhor aquilo que era aparentemente desfavorável seria revertido em algo benéfico. “Então, me invocareis, passareis a orar a mim, e eu vos ouvirei. Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração.” (Jeremias 29. 12-13). Acredito que o povo já estava sem esperança, mas nesta passagem Deus os encoraja. O sofrimento era grande, mas Deus os abençoaria por onde eles passassem, se eles o buscassem.

Conosco também é desta maneira, precisamos ser fiéis, buscar, orar, esforçar, trabalhar e aquilo que está contrário, Deus transformará em benção. Quero concluir falando um pouco a respeito de uma frase que ouvi de um pastor muito abençoado há pouco tempo em um culto: “Nem sempre o não de Deus significa derrota. Pode ser a oportunidade de um recomeço”. 
Meu amigo leitor, Deus tem para nós lindos planos – “Porque os meus pensamentos não são os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos, os meus caminhos, diz o Senhor, porque assim como os céus são mais altos do que a terra, assim são os meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os meus pensamentos, mais altos do que os vossos pensamentos.” (Isaías 55. 8-9). Devemos entender que realmente, existem “fases de exílio” que muitas vezes aparecem em nossas vidas, talvez, você que está lendo este texto até esteja vivenciando uma delas. É um momento de crise e por isso dói, mas precisamos lembrar sempre de que a mudança, a transformação e o recomeço são possíveis. 

Se a tempestade chegou em sua vida, clame ao mestre. Não pare, não desista nem desanime, prossiga com os olhos no alvo, certo de que os ventos contrários não são sinais de derrota, mas sim possibilidades de recomeçar. Você pode até perder a batalha, mas não a guerra! Mesmo no exílio, tempestade, escassez e dificuldades, Deus está contigo e reverterá toda situação contrária, no tempo certo. As bênçãos nos acompanharão por onde formos. 

Bom pessoal, estas são as palavras que eu queria compartilhar com vocês hoje. Por isso já vou ficando por aqui. 
Até a próxima, se Deus permitir! 
Beijinhos!!!! 

1 Response to "Recomeçar, mudar, resgatar aquilo que foi perdido; é possível?"

  1. Deus abençoe grandemente sua vida e continue te usando de forma poderosa como fez neste texto!
    A paz!

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10