O poder de um olhar...

Por Isabela Silva.

“Portanto, também nós, visto que temos a rodear-nos tão grande nuvem de testemunha, desembaraçando-nos de todo peso e do pecado que tenazmente nos assedia, corramos com perseverança, a carreira que nos está proposta, olhando firmemente para o Autor e Consumador da fé, Jesus, o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus.” (Hebreus 12. 1)


Olá, meus amigos e irmãos do blog O Semeador!
Que a paz do nosso amado Senhor seja com todos!

Depois de um tempo ausente, é com muita alegria que retorno para falarmos mais do nosso lindo Jesus.
Hoje quero compartilhar com vocês uma palavra que Deus veio ministrando no meu coração há um tempo. Como aprendi com uma querida professora, gostaria de iniciar fazendo “cócegas” em sua inteligência.
Para isto lanço um desafio: Ligue os nove pontos com apenas quatro retas consecutivas de modo que elas passem uma vez em cada ponto...



E aí, conseguiu? Ainda não? Achou difícil? 
Bom, a forma correta seria essa:

Ao tentar “vencer” este “desafio” e ao ver muitas pessoas tentando notei que a maioria das pessoas não conseguem ligar os pontos porque não pensam na possibilidade de “sair do quadrado”. Infelizmente, isto também acaba acontecendo na hora de enfrentarmos os vários desafios que aparecem em nosso dia a dia. Às vezes ficamos com uma visão tão limitada, não queremos sair da “forma/quadrado”. Focamos tanto nos problemas, nas dificuldades, em nosso pequeno potencial, nos prazeres mundanos, naquilo que já passou e esquecemos que devemos olhar para o autor e consumador da nossa fé, Jesus.
Através desta mensagem quero te convidar a refletir sobre: “Onde está o seu foco? Onde você tem colocado o seu olhar?”.

Damos um valor muito especial aos nossos olhos. É uma parte muito sensível, intocável. Um olhar fala muito sobre nós, até a nossa pupila pode dilatar ou contrair, não só com a presença ou ausência de luz, mas também de acordo com as nossas emoções. Há um ditado que fala que “os olhos são a janela da alma”. Outros afirmam que o amor nasce de um olhar. (Amor à primeira vista). Dizem também que o que os olhos não veem o coração não sente/deseja. A bíblia dá uma importância muito grande para o nosso olhar. Ela nos ensina a olhar para Jesus! “Olhai para mim e sereis salvos” (Isaías 45.22). Quando olhamos para os homens vemos defeitos, em Jesus vemos perfeição. Quando olhamos para o nosso potencial, vemos incapacidade, fragilidade, mas quando colocamos os nossos olhos no Senhor sabemos que tudo podemos alcançar. Ao olhar as circunstâncias nos desesperamos, e às vezes queremos até desistir, no entanto, olhando para Jesus e para a sua grande fidelidade sabemos que vai dar tudo certo, pois mesmo no deserto Ele é quem nos guia.

A seguir trago alguns exemplos de um olhar.


1- Adão e Eva: cobiçaram o fruto proibido, pois era apetitoso aos seus olhos: “E vendo a mulher que aquela árvore era boa para se comer e agradável aos olhos....” (Gênesis 3.6)
O pecado começa com o desejo e este começa através do olhar.


2- Mulher de Ló: olhou para a destruição das cidades condenadas/mundanas. “E a mulher de Ló olhou para trás e ficou convertida em uma estátua de sal.” (Gênesis 19.26)
Muitas vezes olhamos para trás, para o pecado, o lugar do qual Deus nos tirou. É uma situação semelhante a que foi vivenciada pela mulher de Ló e também pelo povo de Israel, que quando estavam no deserto olhavam para o Egito e sentiam saudade.
“E o povo falou contra Deus e contra Moisés: Por que nos fizestes subir do Egito, para que morramos neste deserto, onde não há pão nem água? E a nossa alma tem fastio deste pão vil.” (Números 21.5)


3- Serpente no deserto: Depois de o povo de Israel ter murmurado, o Senhor enviou o juízo por meio de serpentes abrasadoras. Muitos morreram com esta situação. Quando o povo orou pedindo por misericórdia, em vez de retirar a punição, Deus mandou Moisés erguer uma serpente de bronze e aqueles que olhassem para ela seriam curados da picada venenosa e salvos da morte. “E disse o Senhor a Moisés: Faze uma serpente ardente, e põe-na sobre uma haste: e será que viverá todo o mordido que olhar para ela.” (Números 21.8)
Este acontecimento relatado no Antigo Testamento indicava que Jesus seria levantado sobre a cruz como sacrifício necessário para a salvação. Hoje é preciso olharmos para Ele para sermos curados e salvos. Jesus explica isto a Nicodemos em João 3.14, 15:
“E do modo por que Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o filho do homem seja levantado, para que todo o que nele crê tenha a vida eterna.”



4- Rei Davi: Ele estava no palácio passeando quando deveria estar na guerra. Viu a mulher de Urias no banho e esse olhar gerou a cobiça e consequentemente o pecado.
“Uma tarde, levantou-se Davi do seu leito e andava passeando no terraço da casa real; daí viu uma mulher que estava tomando banho; era ela mui formosa.” (II Samuel 11.2)
Davi, mesmo sendo o homem segundo o coração de Deus, teve suas falhas. Por focar o seu olhar em um “lugar errado” acabou se contaminando com o pecado.


No primeiro versículo que coloquei neste texto, o escritor do livro de Hebreus comparou a vida cristã com uma corrida. Os corredores (cristãos) estão rodeados por uma grande nuvem de testemunhas, que são os heróis da fé, aqueles que se esforçaram para chegar ao fim e deram testemunho de uma vida com Deus. Devemos perseverar e percorrer o mesmo caminho que eles, no entanto, a bíblia nos orienta a correr olhando para Jesus e não para estes heróis. Eles foram abençoados, mas não perfeitos. O nosso exemplo é Cristo.

Para correr bem a carreira da vida precisamos nos esforçar continuamente e deixar de lado todo pecado e embaraço que nos atrapalham, travam. Os nossos olhos e nossos corações devem estar fixados em Jesus e no exemplo que Ele nos deu de amor, humildade, santidade, obediência, perseverança. Uma das principais lições que aprendemos quando olhamos para Cristo é a renúncia. Ao suportar a cruz, Jesus se desfez de sua honra. Por amor Ele renunciou a alegria que possuía e escolheu o sofrimento. “...o qual, em troca da alegria que lhe estava proposta, suportou a cruz, não fazendo caso da ignomínia, e está assentado à destra do trono de Deus.” (Hebreus 12.2). Nós também precisamos negar a nós mesmos e levar a nossa cruz. “Se alguém quer vir após mim, a si mesmo se negue, tome a sua cruz e siga-me.” (Mateus 16.24)

Quem sabe durante a “corrida” perdemos o foco, ou seja, desviamos o olhar de nosso alvo (Jesus). Este é o momento que Deus nos chama de volta. Temos a oportunidade de recomeçar, mudar, transformar. Que possamos sair do comodismo, sair “do quadrado”, e buscar um olhar que enxergue além das decepções, dificuldades, dos medos e traumas. Que possamos olhar para Jesus e seguir o seu exemplo!

Bom pessoal, já vou ficando por aqui.
Que o nosso Deus continue a falar em cada coração!
Um abraço apertado a todos!
A Paz do Senhor Jesus!!!



0 Comentários em "O poder de um olhar..."

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10