IRÃ - 5° lugar na Classificação de países por perseguição


Por Eliézer Sejač Rodrigues.




A perseguição religiosa contra certas minorias se intensificou no Irã desde 2005: os principais grupos afetados são os Baha'i, os muçulmanos sufistas e os cristãos, principalmente os convertidos do islamismo. De acordo com o Estado, somente os armênios e os assírios podem ser cristãos. Os persas devem ser muçulmanos, portanto aqueles que se convertem são considerados apóstatas.
Isso faz com que todas as atividades cristãs sejam ilegais, principalmente quando há evangelismo ou treinamento bíblico em persa. Ainda assim, o tratamento severo do regime para com os cristãos é como combustível para o crescimento da igreja.

O Islã é a religião oficial do Irã: as leis e regulamentações devem ser concordantes com a interpretação da sharia (lei islâmica). Apesar de os cristãos nativos serem reconhecidos e possuírem o direito de liberdade religiosa, eles relatam ter sofridos prisões, agressões físicas e discriminação por causa da fé que escolheram. As igrejas assírias e armênias podem ensinar seus conterrâneos em seu próprio idioma, mas é proibido evangelizar ou ministrar para ex-muçulmano, falantes do persa.Sob as interpretações judiciárias do sharia, todos os muçulmanos que abandonam o islamismo por outra religião devem receber pena de morte.
Muitos cultos são monitorados pela polícia secreta. Os cristãos que trabalham ativamente em igrejas ou células, principalmente os que se converteram do islamismo, têm sido pressionados: eles são interrogados, detidos, presos e agredidos. Eles são oprimidos pela sociedade, autoridades e família.

Nos últimos meses de 2010 e começo de 2011, aconteceram diversas prisões de cristãos em massa; mais de 200 cristãos foram presos durante esse período. Antes das prisões, os líderes políticos e religiosos fizeram declarações na mídia contra os cristãos.
Pela primeira vez, o aiatolá Ali Khamenei ressaltou a influência e o crescimento das igrejas domésticas, em discurso no dia 19 de outubro (2011). O líder religioso supremo culpou os "inimigos do Islã por consolidar e encorajar a expansão do cristianismo no Irã.
Também em outubro, o ministro de inteligência do Irã disse que seus agentes secretos descobriram centenas de igrejas clandestinas, incluindo 200 em Mashdad, a cidade santa para os muçulmanos. Em janeiro, o governador de Teerã, Moreza Tamadon, disse que o cristianismo é um "movimento corrupto e desviado", "uma invasão cultural do inimigo" e que novas estratégias foram elaboradas para combater o crescimento das igrejas.

Muitos cristãos foram presos ou condenados à morte por suas atividades cristãs. No entanto, ainda não relatos de execução de cristãos. Todavia, a situação não melhorou; ainda é tão séria quanto no ano passado e, em curto prazo, não há previsões de melhora.

As autoridades iranianas temem o crescimento do cristianismo no país com base em fatos. A curiosidade e o interesse no cristianismo está aumentando muito entre os muçulmanos iranianos, que estão desiludidos com tudo o que o governo tem feito em nome do Islã.
Atualmente, existem cerca de 450.000 cristãos no Irã.

Fonte: Revista Portas Abertas. Volume 30 - N° 02 - Página 09
MISSÃO PORTAS ABERTAS.

Creio que todos estão acompanhando o que está acontecendo no Irã sobre a prisão e condenação do pastor Yousef Nadarkhani. Ele havia sido condenado à morte, porém segundo o deputado evangélico Carlos Bezerra Junior, a pressão diplomática exercida pelo Brasil junto às autoridades iranianas surtiu efeito: “Ótima notícia! Autoridades diplomáticas iranianas responderam ao governo brasileiro afirmando que o Pr. Nadarkhani não será condenado à morte. A pressão diplomática brasileira tem surtido efeito no caso do Pr Nadarkhani, que envolve grave violação do Direitos Humanos. #IntolerânciaNão”, publicou ele em seu perfil no Twitter. (@CarlosBezerraJr)
Continuemos intercedendo pelo pastor Nadarkhani e pelos demais cristãos no Irã que sofrem constantes perseguições.
Que Deus vos abençoe, em nome de Jesus!

0 Comentários em "IRÃ - 5° lugar na Classificação de países por perseguição"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TEXTOS MAIS ACESSADOS