É "A" E "B"! "C" ESTÁ FORA!!!

Cena da peça "Você Já Viu a Desgraça???"

A Paz do Senhor!
Uma das cenas da peça "Você Já Viu a Desgraça???", apresentada pelo grupo de teatro do Ministério Missão Ágape de Palmeira das Missões - RS, crianças estão brincando e excluem o amiguinho da brincadeira, dizendo sarcasticamente:
- É "A" e "B"! "C" está fora!
Esta cena me faz lembrar situações que vivemos DENTRO DA IGREJA, que a Palavra de Deus vai chamar de "acepção de pessoas"!
"Acepção" é sinônimo de "discriminação": é tratar de formas diferentes as pessoas, dando prioridade para umas, em detrimento da exclusão de outras!
Isso é muito comum! Infelizmente, tão comum que nem percebemos que fazemos isso!
Observe teu próprio comportamento dentro da igreja: há aquele grupo de pessoas com que tu sempre te relacionas, e sem perceber, este grupo permanece inalterado! Ninguém entra, ninguém sai... É o que se costuma chamar de "panelinha"!
Qualquer um que não participar da "panelinha" é ignorado! É como se nem existisse...
Isso quer dizer que, à nossa volta, pessoas chegam na igreja sedentas por Deus, mas não têm ninguém que as acolha... Muitas acabam abandonando a igreja, por isso!
Muitas pessoas estão sofrendo, mas como não fazem parte de "nossa panelinha", a gente nem percebe nada... Muitas adoecem (física, mental e espiritualmente) por causa de nosso descaso!
Há pessoas cheias de dons e talentos mas que, por não fazerem parte da "panelinha", ficam escondidos e acabam se apostatando!
O que a Palavra de Deus tem a dizer sobre isso?

"Meus irmãos, não tenhais a fé de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor da glória, em acepção de pessoas.(...)Mas, se fazeis acepção de pessoas, cometeis pecado, e sois redargüidos pela lei como transgressores." (Tiago 2.1;9)

Quem faz acepção de pessoas está em pecado!
É tão fácil "ser amigo" dos "populares" e dos "descolados"... É tão difícil ser amigos dos "esquisitos" ou dos pobres, ou simplesmente diferentes de nós! MAS ISSO É PECADO!
No mundo, a discriminação e o preconceito é "normal": como diz aquele funk, "cada um no seu quadrado"! Mas não deveria ser assim no meio do Povo de Deus!
A multiforme graça e sabedoria de Deus fez-nos, cada um, diferentes uns dos outros... Mas não há superioridade/inferioridade, bonito/feio, mas sim diferenças entre os irmãos!
A única coisa que não pode ser tolerada é o pecado! No mais, não deveria haver divisão no meio do povo! Aliás, o Senhor Jesus nos alerta que "uma casa que se divide contra si mesma sucumbirá"!
Eu creio que o maior problema para o crescimento do Evangelho é justamente isso: divisão!
Divisões e contendas entre as denominações...
Divisões e contendas entre os diferentes departamentos ministeriais...
Divisões e contendas entre os membros!
Isso é pecado!
Isso é transgressão!
Isso contraria brutalmente a vontade de Jesus Cristo, que chegou a orar ao Pai:

"Para que todos sejam um, como Tu, ó Pai, o és em Mim, e Eu em Ti; que também eles sejam um em Nós, para que o mundo creia que Tu Me enviaste." (João 17 : 21)

A maior e mais contundente pregação do Evangelho não consiste em palavras bonitas, e elaboradas teologias! A pregação mais convincente do Evangelho é o testemunho de unidade e amor entre os cristãos! É este testemunho, quando existe, que arrasta pessoas a buscar a Cristo!
E eu quero, ainda, falar sobre OUTRO tipo de acepção: a "acepção de pecados"!!!!
É! Vamos ver se concordas comigo: nós, cristãos, fazemos "acepção de pecados"!
Para Deus, todo pecado é pecado, e pronto...! Afinal, Ele é Santo, Santo, Santo, e o mais simples de nossas transgressões é um escândalo para o Reino de Deus!
Mas nós, tolamente, discriminamos pecados!
A regra é bem simples: o MEU pecado não é tão grave, mas o pecado do OUTRO é terrível!
Amados: pecado é pecado! Não há diferença!
(Não vou abordar aqui o tema "blasfêmia contra o Espírito Santo". Fica para outra oportunidade.)
Nos detemos demais apontando o dedo para o pecado do outro, mas não percebemos que não há diferença!
Entrou muito em voga debater o homossexualismo que, segunda a Bíblia, é uma iniquidade.
(Em tempo: "iniquidade" é uma cadeia de pecados repetitivos, dos quais não se arrependem, separando-se assim de Deus.)
Bom, então, se detém muito na iniquidade do homossexualismo, mas se deixa de lado outras iniquidades: corrupção, mentira, adultério, desvio de dinheiro, entre outros!
Uma pessoa viciada em pornografia está tão em iniquidade quanto um homossexual!
Uma pessoa que mente sistematicamente está tão em iniquidade quanto um homossexual!
Uma pessoa que sonega impostos está tão em iniquidade quanto um homossexual!
(Usei o conceito de homossexualismo como iniquidade, porque é um assunto muito debatido... Mas poderia ter usado qualquer outro exemplo!)
Ou seja, em nossa tola falta de discernimento, acusamos a iniquidade dos outros, e tentamos "encobrir" as nossas com justificativas!
O que diria Jesus sobre isso? Jesus diz:

"Não julgueis, para que não sejais julgados. Porque com o juízo com que julgardes sereis julgados, e com a medida com que tiverdes medido vos hão de medir a vós. E por que reparas tu no argueiro que está no olho do teu irmão, e não vês a trave que está no teu olho? Ou como dirás a teu irmão: Deixa-me tirar o argueiro do teu olho, estando uma trave no teu? Hipócrita, tira primeiro a trave do teu olho, e então cuidarás em tirar o argueiro do olho do teu irmão." (Mateus 7.1-5)

Somos chamados a ser, hoje, muita coisa: luz, sal, testemunhas, intercessores, profetas, sacerdotes, embaixadores... Muita coisa! Mas o que NÃO SOMOS chamados a ser JUIZ dos outros! Quem julga é Deus!
Como "luz" e "sal", temos a obrigação de dar bom testemunho!
Como "profetas", "testemunhas" e "embaixadores", temos a obrigação de orientar, falar a Verdade e indicar o Caminho!
Como "sacerdotes", "intercessores", devemos orar em favor também daqueles que ainda não encontraram a Luz de Cristo!
Mas não nos cabe julgar! Não somos juízes! Não decidimos nada sobre salvação ou condenação!
Toda vez que levantamos nosso "dedo de juiz" (ilegítimo) contra nosso irmão, estamos atraindo para nós mesmos a condenação! Pois, por mais que a tolice humana faça acepção de iniquidades e pecados, a Justiça de Deus não o faz! Com a medida que medimos, seremos medidos!
(Alguém pode pensar: "Este texto não é para mim, porque eu não tenho iniquidade nenhuma!". Saiba, então, que só este pensamento soberbo já é iniquidade suficiente para te encaixar no que estamos falando aqui! Vai te converter, em Nome de Jesus!!!)
Somos chamados a sermos semelhantes ao nosso Pai, que está nos Céus! Deus abomina e não tolera o pecado, mas AMA O PECADOR!
Jesus disse que veio para os doentes e pecadores, não para os sãos! (Ele veio para o mundo todo, pois todo o mundo é doente e pecador...). A igreja é lugar para PECADORES!
Sim! O Céu é lugar para santos... A igreja é lugar para pecadores que querem deixar de ser escravos do pecado!
Repito mais uma vez: a igreja é lugar para pecadores!
Pecadores, iguais a EU, a TU, e todos os demais que temos a impressão que precisamos apontar o dedo!
Como um pecador vai se libertar do pecado, se é expulso ou discriminado dentro da igreja?
Os pecadores precisam encontrar na Igreja um ambiente que os acolha, e os dê segurança, para que se arrependam, confessem e se convertam! Isso não acontecerá, onde as pessoas excluem e julgam!

"Dize-lhes: Vivo Eu, diz o Senhor DEUS, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que razão morrereis, ó casa de Israel?" (Ezequiel 33 : 11)

Se não nos convertermos da acepção de pessoas, da tendência a julgar, das "panelinhas"... Enquanto não nos convertermos do desamor que praticamos cruelmente dentro do seio da igreja, a igreja não poderá ser reduto para que o ímpio venha ao arrependimento!
Quem somos nós para julgar os ímpios, se nós mesmos, "justos" (justificados pelo Sangue de Cristo), cometemos a iniquidade da acepção de pessoas?
Reconheçamos esta iniquidade, e nos arrependamos, para que a Igreja se torne, como era para ser, uma embaixada do Reino de Deus, e um reduto de arrependimento para todos os pecadores...
...incluindo nós mesmos!
Que Deus nos guarde, ilumine, conduza e abençoe, em Nome de Jesus!
Forte abraço!
Ev. Danielson

0 Comentários em "É "A" E "B"! "C" ESTÁ FORA!!!"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10