Roteiro de Viagem: Gramado - RS


Não é à toa que Gramado é sede do concorrido Festival de Cinema que movimenta a Serra Gaúcha no mês de agosto. Com paisagens que parecem retiradas de um cenário, a cidade reúne casinhas em estilo enxaimel, ruas limpas e tomadas por jardineiras repletas de hortênsias e parques emoldurados por araucárias e pinheiros. Mas não é apenas pela aparência romântica que o cartão-postal da região atrai tantos visitantes.
Ao combinar boas compras com gastronomia de primeira, Gramado mostra que não é destino de uma estação somente. É fato que durante o inverno a cidade fica ainda mais aconchegante, com direito a jantares à beira da lareira para espantar o frio que chega junto com as geadas e névoas. Entretanto, nas outras épocas do ano, há festas e eventos, além dos muitos restaurantes, do comércio da Avenida Borges de Medeiros sempre cheio de novidades e dos irresistíveis chocolates. De novembro a janeiro, a esmerada decoração natalina enche as ruas de cores e de brilho.
Colonizada pelos imigrantes italianos e alemães, Gramado preserva suas origens através de museus e parques temáticos que retratam os costumes de seus fundadores. Lançados recentemente, os roteiros de agroturismo levam às propriedades rurais dos descendentes que preservam, com orgulho, as tradições européias. Os tours, claro, incluem degustação de produtos típicos como lingüiça, salaminho, queijos e vinhos. Falando nas delícias, não deixe de saborear o café colonial nos estabelecimentos espalhados pela cidade - são mais de 80 itens entre receitas doces e salgadas. Guarde ainda um espaço para as fondues, servidas até mesmo nos concorridos barzinhos da Avenida das Hortênsias.

O que ver e fazer em Gramado
Viajando a dois ou em família, Gramado oferece atrações para todos os públicos. Para os casais, as pedidas são os programas românticos como jantar a luz de velas, passeio de pedalinho no Lago Negro ou um tour pelos bosques e cascatas da vizinha Canela. Já quem está com as crianças, os parques temáticos - destaque para a Aldeia do Papai Noel e o Mini Mundo - tomam conta da programação. Independente da idade ou da companhia, não deixe de se lambuzar com os deliciosos chocolates produzidos na região, saborear sem culpa um farto café colonial e torrar a carteira enquanto bate perna em meio às lojas da Avenida Borges de Medeiros.

Comer bem
A gastronomia variada e saborosa oferece dos tradicionais pratos italianos às exóticas receitas preparadas com carnes de caça. E tem ainda as delícias da cozinha alemã e, claro, as fondues - em caso de viagem a dois, vá saboreá-las em um romântico jantar nos restaurantes suíços da região. Deixe uma tarde livre para experimentar, sem culpa, os mais de 80 itens que compõem o café colonial.

Comprar chocolate
Tentadoras lojinhas e fábricas específicas da guloseima espalham-se pelas ruas centrais. Nos balcões, chocolates de todas as formas: barras, bombons, trufas, licor... Em alguns estabelecimentos, o visitante pode conferir de perto a produção das delícias. Entre as marcas tradicionais de Gramado estão Prawer, Planalto, Lugano, Florybal e Caracol.

Cristais
As coloridas peças são confeccionadas através da rudimentar e secreta técnica de Murano, criada na Itália, no século XV. Entre as obras de arte estão vasos, lustres, taças, pesos de papel e castiçais. Aproveite para visitar a fábrica e assistir a uma demonstração de como são produzidos os mimos.

Cuco
Importados da região de Floresta Negra, no sul da Alemanha, os relógios artesanais são esculpidos e entalhados manualmente. Além dos cucos, de modelos variados e delicados, há grande oferta de carrilhões.

Gramado Zôo
São mais de 1.200 animais de 250 espécies - todos da fauna brasileira, como jacaré-de-papo amarelo, tamanduá-bandeira e lobo-guará. A recepção é feita por araras, tucanos e papagaios, espalhados pelos viveiros. Nos recintos das panteras e onças, apenas um vidro blindado separa os bichos dos visitantes.

Agroturismo
São três opções de tours circulando por propriedades rurais, mirantes e cascatas. Os passeios podem se feitos de van ou de Princesinha (um ônibus de 1958), de segunda a sexta-feira e aos domingos. O roteiro mais concorrido é O Quatrilho, que desvenda uma típica propriedade de família alemã. O destaque é o café colonial servido aos visitantes, à base de cucas, geléias, pães e salsichas. Já o programa Raízes Coloniais leva às primeiras casas construídas pelos colonos. Abertas à visitação, oferecem degustação de vinhos, pães, queijos e salames caseiros. Para um maior contato com a natureza, a dica é o Mergulho no Vale, que conduz ao interior do vale do Quilombo, repleto de cascatas e mirantes naturais.

Aldeia do Papai Noel
Os jardins do Parque Knorr, um bosque repleto de trilhas, abrigam a casa do Papai Noel e sua fábrica de brinquedos. Por lá estão também a Árvore dos Desejos - onde a garotada deixa seus pedidos - e lojinhas que vendem de tudo com a marca do Bom Velhinho, além de um mirante que descortina vista panorâmica do Vale do Quilombo. O cenário pode ser apreciado também através de um passeio de monorail, um trenzinho que se move por um trilho suspenso à beira do vale. Durante o percurso, entre a fábrica e a casa do Papai Noel, ouve-se a história do Parque Knorr.

Lago Negro
O nome do lago de águas verde-escuras se refere às árvores plantadas a sua volta, trazidas da região da Floresta Negra, na Alemanha. Ao redor, uma pista de cooper sombreada por pinheiros convida à corrida, caminhada ou pedalada. Aproveite o passeio de pedalinho para apreciar as hortênsias e as azaléias que colorem o parque o ano inteiro.

Mini Mundo e Mundo Encantado
Miniaturas inspiradas nas tradições, culturas e arquiteturas típicas européias dividem a atenção nos parques temáticos Mini Mundo e Mundo Encantado, passeios imperdíveis para quem viaja com os pequenos.

Passeio de jardineira
O programa é uma boa opção para quem não está de carro - o trajeto faz paradas nos principais pontos turísticos urbanos, como o mirante do Vale do Quilombo e o Lago Negro. O passeio, realizado diariamente, dura uma hora e meia.



Esportes e Ecoturismo em Gramado
O Vale da Canastra é o pano de fundo das atividades radicais praticadas na região, como rafting, rapel e tirolesa. Quem quer apenas manter a forma com uma corrida ou uma caminhada, o melhor local é a pista do Lago Negro, emoldurada por araucárias e repolhudas hortênsias.

Caminhada & camp; Corrida
Os adeptos da corrida, da caminhada e do ciclismo encontram em Gramado uma excelente pista para a prática das atividades. Às margens do Lago Negro e cercado por pinheiros, hortênsias e azaléias, o espaço incentiva ao esporte, atraindo até mesmo os sedentários.

Esportes de aventura
Atividades radicais, como rafting, rapel, mountain bike, pêndulo e trekking, são praticadas nos arredores da cidade e organizados por empresas de ecoturismo locais. A aventura nos botes acontece nas corredeiras do rio Paranhana. Já os outros esportes têm como cenários os vales e as serras da região.

Atrativos Culturais em Gramado
Miniaturas inspiradas nas tradições, culturas e construções européias dividem a atenção nos parques temáticos Mini Mundo e Mundo Encantado, passeios imperdíveis para quem viaja com os pequenos. Já os apaixonados pelo glamour da indústria automobilística dos anos 60 encontram no Hollywood Dream Cars uma coleção de encher os olhos.

Mini Mundo
Inspirado na Legoland, na Dinamarca, o Mini Mundo reúne réplicas de castelos, casas e ferrovias européias. O espaço oferece ainda parque de diversões infantil, lanchonete e lojinha.

Mundo Encantado
O parque temático em miniatura retrata a cultura, os costumes e as tradições trazidas pelos colonizadores italianos e alemães. São moinhos, serrarias, estrebarias e casas, além da réplica de uma antiga maria-fumaça que circulou pela região por mais de 40 anos (de 1921 a 1963). Todas as peças são feitas em madeira, em uma proporção 15 vezes menor que o original.

Museu Hollywood Dream Cars
A coleção de automóveis clássicos reúne cerca de trinta modelos originais das décadas de 20 a 60, em excelente estado de conservação. Os destaques ficam por conta do Cadillac conversível de 1953, o Ford Victória conversível de 1956; o Rolls Royce 1962; e o Jaguar 1949 - Mark V; além das 15 motos Harley-Davidson, a maioria dos anos 60.

Dreamland Museu de Cera
O primeiro museu de cera da América Latina fica na cidade e reúne personalidades como Charles Chaplin, Elton John, Mike Tyson, Elvis Presley e Robin Williams. Os bonecos têm tamanho quase real e estão espalhados por 17 cenários. Boa parte das esculturas são importados de outros museus, principalmente do Hollywood Wax Museum, de Los Angeles, e Madame Tussauds de Londres e de Nova York. No Dreamland, porém, o acesso aos bonecos é limitado e não se pode fazer as clássicas fotografias pertinho deles.

Museu Medieval
Em um castelo, os visitantes descobrem o brasão e a origem de suas famílias a partir de livros especializados.

FONTE

Sugestões, críticas ou dúvidas: ca_fdr@hotmail.com
www.twitter.com/camila_scherrer
Tenham uma ótima semana =)
Fiquem com Deus
bjO

0 Comentários em "Roteiro de Viagem: Gramado - RS"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TEXTOS MAIS ACESSADOS