Paciência

Melquideseque refutou todas as indagações de Etelvina. Não estava mesmo com paciência pra aturar mais uma daquelas de discutir relação. Papo de mulher; “ainda nisso?” Pensou enjoado. Estava mesmo cansado, havia trabalhado como um louco naquele dia quente e abençoado por ser mais uma oportunidade para se viver em novidade de vida. Mas quem disse que Melquideseque consegue se lembrar disso... Estava assoberbado com tanta coisa pra resolver, contas pra pagar, e ainda o tênis do filho, tem que ser de marca, sabe como é adolescente, não quer mesmo saber, quer o que quer e pronto, como fazer com que compreenda que não é bem assim, como ele não vê, e como não magoar, ver o filho convertido e em paz, feliz com o pouco que o pai pode dar: como, eis a questão. O bebê precisa de leite, muito leite e ainda tem o outro sendo alfabetizado, isso Melquideseque fazia questão e gosto – os filhos na escola, estudando. Tem mais é que estudar mesmo e agora convertido, ora pelos filhos e Deus tem abençoado. Aleluia. Pensa no rei Davi, que queria construir um templo para Deus, e Deus aprovou e disse que quem construiria o templo não seria ele, mas seu filho Salomão (2 Samuel 7:1-14). “Assim será com meus filhos: serão prósperos e construirão um futuro, uma vida melhor. Serão templo de Deus, homens de caráter e abençoados. É promessa do Senhor pra mim”. Sim, Deus lhe fala e Melquideseque ouve, está sensível ao Espírito Santo, não quer mais ter o coração endurecido. Então por que por vezes tem esta fraqueza de esquecer da presença santa do Senhor? Ah, a tentação da murmuração, a tentação da ingratidão! Melquideseque se coloca à frente de Etelvina, que lhe tapava a TV bem na hora do futebol no jornal, quando ele ia rever aquele gol... Logo agora que as crianças estavam dormindo, logo agora que ele estava tão bem comendo aquele pudim delicioso, agora que estava descansando de um dia tão pesado. Sua mulher não tinha mais o que fazer não? Passar roupa, escolher o feijão, qualquer coisa, “por que não me deixa em paz?” Mas lá estava ela, discutindo relação. Estamos casados, estamos juntos! Precisa mesmo isso? A Bíblia relata estas peculiaridades femininas? (Prov. 9:13; 11:16; 12:4; 14:1; 21:9/19; 31:30).  Deixa pra pensar nisso depois, Melqui. Agora ouça tua esposa. Fale menos, ouça mais. Não, mas sem querer mandar em mim! Ninguém manda em mim! Mas preciso ficar quieto, que Deus me ajude. Melquideseque ouve. É tudo o que pode fazer agora. Ouvir.

Por Vanessa Utzig                             

0 Comentários em "Paciência"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TEXTOS MAIS ACESSADOS