Um urubu na minha vida! o.O




Por Eliézer Rodrigues.


Eita lá! Eita lá! Eita lá!
Chegamos ao domingo e hoje temos humor no blog. =]
Irei iniciar uma pesquisa musical, mas deixarei pra começar na segunda semana de abril.
Hoje, deixem eu contar algo que me deixou bem triste.

Certo tempo atrás, eu fui em Gaspar [cidade catarinense] colher algumas goiabas numa árvore a beira da BR-101 e acabei encontrando um ninho com passarinhos. Achei um passarinho muito bonitinho, e pensando se tratar de um chupim, o trouxe para casa e coloquei-o em uma gaiola.
Acontece que a ave começou a crescer de forma assustadora até que cheguei a constatar que era um filhote de urubu, não um chupim como eu havia imaginado.
Como já tinha criado um carinho especial pelo 'bichinho', resolvi não soltá-lo. Comprei uma gaiola bem maior e coloquei o urubuzinho nela.
Bah!!! Ensinei ele a cantar o Hino do Flamengo, ele já sabia dançar chula... era uma beleza!
Maaaaaas... a gaiola que eu comprei tinha o espaçamento entre as taquaras muito grande. Obviamente não daria pro urubu fugir pelo espaço entre elas, mas era comum eu ver o urubu com as pernas pra fora ou um pedaço da asa. Talvez ele fizesse isso pra dar uma esticada na canela ou dar uma bronzeada na asa, mas o fato é que sempre que eu olhava, o aérobu [nome que dei ao urubu] estava com uma parte do seu corpo pra fora da gaiola.
Numa tarde de sexta feira, estava um calor terrível e olhei o aérobu com a língua pra fora de tão cansado que estava. Sorri por um momento, até que o bicho colocou a ponta da asa pra fora.
Passei a observá-lo, era estranho ele querer "pegar um bronze" com todo o calor que se fazia.
Ele colocou uma asa para fora da gaiola, depois disso colocou a outra asa pra fora tambem e, antes que eu tivesse qualquer reação, bateu as asas e voou.
Voou e levou a gaiola junta às costas. Nunca mais vi a avezinha por qual eu tinha um carinho tão grande.
Cheguei a ficar doente, não comia, não bebia, dormia bem pouco... senti muita falta do aérobu =/
Hoje me recuperei... graça à uma foca que encontrei as margens do Rio Itajaí-Açú e mantenho no próprio rio, amarrada à uma corda. \o/
Porém, se alguém encontrar meu lindo urubu, favor entrar em contato comigo que pagarei uma bela recompensa.
O urubu tem mais ou menos 80 centímetro de altura [é quase da minha altura =P], pesa uns 15kg [mais do que a JB], atende pelo nome de AÉROBU, dança chula, canta o Hino do Flamengo e está com uma gaiola presa às costas.
Ficarei muito grato se encontrarem meu animalzinho de estimação. *-*
Obrigado desde já, pessoal. Conto com a ajuda vocês!

Semana que vem eu tô aqui de volta, provavelmente com uma pausa no humor e postando algo em relação à Páscoa.
Até lá, fiquem todos na paz do Senhor! ;)

1 Response to "Um urubu na minha vida! o.O"

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10