As 10 pragas da atualidade - Parte II




Por Eliézer Rodrigues.









Páááááááááááááára!!!
Chegamos a mais uma quarta-feira e mais uma vez o humor toma conta do blog.
Depois de vários artigos sérios, que nos levam à uma reflexão, que nos aproximam de Deus e que nos deixam bem informados, agora é hora de relaxar um pouco.
Como eu costumo dizer, hora de preparar o coração para que o mais importante, que é a Palavra de Deus, seja plantada nele através das demais colunas.
Continuarei com meu minucioso e pseudo-inteligente estudo sobre as pragas da atualidade.
Na semana passada vimos os profissionais da saúde, hoje falaremos sobre o CLIMA.
Talvez você ache estranho eu dizer que nosso clima se transformou numa praga da atualidade, haja visto que nós mesmos somos os grandes responsáveis pela loucura que ele se transformou. Mas observe comigo, amados.

Vamos ficar apenas olhando num âmbito local, nível Brasil.
Chega o mês de outubro e novembro no Sul e o povo já se desespera.
"Meu Deus, vai esquentar e consequentemente as chuvas vão aumentar"
Por que esse medo da chuva? É que a coisa no Sul, principalmente em Santa Catarina tá tão feia, que quando chove no Paraná, Santa Catarina já está tendo enchentes.
Aí o cidadão é obrigado a deixar sua casa, torcendo e orando para que não entre muita agua dentro dela e vai pra casa dos parentes.
Bom, o que acontece na casa dos parentes talvez seja assunto pra outro artigo, porque a piazada véia incomoda, amigo. Bah!!! Eu sou alvo disso!
Mas enfim, chega um dia que as chuvas dão uma trégua e as enchentes vão baixando. Já dá até pra entrar dentro de sua casa que foi atingida pelas torrentes de agua.
O sofrido cidadão ainda encontra muita água na sua rua.
Água?
Se fosse água seria legal, mas é uma mistura de agua, lama e lodo...ainda com um toque tooooodo especial: a urina do rato. Aumentando o risco de doenças como a Leptospirose.
Mas o homem precisa ver como está sua casa, é seu patrimônio e ele precisa calcular os danos.
Retira a chave da casa que está em seu bolso, mas percebe que a porta da casa está estufada por causa do acúmulo de agua. Ele já começa a se assustar.
Qual é a outra opção? Arrombar a janela.
Fazer o quê, neh? É o jeito.
Ele vai até a janela do seu quarto e sem fazer muita força, arromba a janela. Toma impulso e mete a cara dentro de casa. Acaba caindo pra fora desmaiado. A catinga de carne podre derruba o cidadão.
Tá!! Mas isso é culpa do clima?
Bom...se a temperatura não fosse tão louca e não houvesse as enchentes, nada disso estaria acontecendo. Aquele papo de um abismo chamar outro abismo vai se confirmando.
Mas o cara é decidido. Toma fôlego, coloca um grampo de roupas no nariz e entra na sua casa.
Ele preferia não ter feito isso. Ele acaba encontrando a sua mesa em cima da cama.
Uai!!! Será que a situação piora?
Piora, amigo...pode acreditar que piora.
Pisando na lama deixada, ele caminha até sua cozinha... o cristão entra em desespero.
A tampa do freezer aberta e carne jogada por toda a casa, tem até um churrasquinho pendurado na torneira da pia. Ele, já quase chorando, percebe que sua geladeira não está ali.
Bah!!! Será que algum aproveitador entrou ali e saqueou sua casa? Mas porque levaria apenas a geladeira?
Ele vê que tem um buraco na parede da casa e, com medo, caminha até ele. Já sai na rua, olha ao redor e não enxerga nada. Mas olhando para a árvore no quintal da casa, lá está a geladeira, em cima dos galhos, assim como as frutas.
Ao pobre cidadão resta descer a geladeira que está em cima da árvore, limpar toda a sujeira causada pelas cheias e comprar todos os móveis estragadas em 250 suaves prestações mensais.
ENQUANTO ISSO NO NORDESTE ...
40° na sombra, a terra seca e rachada. O povo clamando por agua pois a estia já completa 657 dias. A fauna do local fica bem simples: lagartos, iguanas, lagartixas e camaleões na terra, urubus e abutres no ar, e na agua....ops... não tem mais agua.
Caos!!! Talvez a falta de agua seja pior do que ela em abundância.
As torneiras estão secas, os rios não existem mais...Já tem pais que espacam os filhos só pra beberem as lágrimas deles. Nem chorar conseguem mais, quando choram não se vê lágrimas. É só o desespero.
Mas o que vamos fazer?
Bom...tem aquela última vaca que sobrou viva. Isso, aquela magrela!
Talvez tirar um leite pra beber seria uma idéia boa.
A família toda se arruma, afinal é dia de beber leite. Criança passando brilhantina no cabelo, a mãe fazendo chapinha, o pai colocando aquele terno que estava guardado para o dia do seu velório. Tudo isso pelo fato de beber leite por mais uma vez, a família se e]sente privilegiada por ainda ter a vaca mimosa viva.
Chegam ao curral e a vaquinha tá lá, com um palmo de língua pra fora, exausta, prestes a morrer. Nem um "béh" se ouve do pobre animal que em breve irá "bater as botas".
O pai de família toma a frente e vai tirar o leite do animal.
Bah...decepcionante! A seca é tão grande que a mimosa começou a dar leite em pó.
O povo volta triste pra casa e ficam todos na frente de um radinho à pilha ouvindo as tristes notícias.
A seca é tão grande que quando o povo descobre que o vizinho se machucou e criou agua no joelho, é aquela correria todos com um copinho na mão e uma agulha pra tirar um pouquinho de agua da perna do rapaz.
Resta ao povo nordestino fazer a dança da chuva pra que a seca tenha um fim ou subir em um caminhão e desaparecer de lá rumo ao Sudeste do Brasil.
Rapidamente, para finalizar o assunto, ainda tem o fato da mudança rápida do clima. Num dia faz 4° e você coloca todo o guarda-roupas sobre seu corpo, no outro dia você faz a mesma coisa e a temperatura chega a 35°.
Isso além de fazer você passar vergonha, ainda faz você correr o risco de ficar doente devido ao choque térmico.
Agora me diga, caro amigo, o CLIMA no Brasil é uma praga da atualidade ou não?

Bueno, gambazada!!!
Essa foi a segunda grande praga da atualidade.
Já tivemos: PROFISSIONAIS DA SAÚDE e CLIMA!
Ainda faltam 8! Qual será a próxima?
Faremos uma pequena pausa no assunto, pois nas demais semanas de dezembro estarei fazendo a retrospectiva 2009.
Voltaremos com as próximas pragas na 1ª semana de janeiro.
Semana que vem eu volto, isso se eu não for demitido.

Fiquem todos na paz do Senhor e que Deus vos abençoe!

0 Comentários em "As 10 pragas da atualidade - Parte II"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10