Missões


por: Ana Eliza Oliveira














Olá meu povo e minha pova!! Mais uma segundona abençoada pelo Nosso Deus! Dia de fazer um balanço de como foi o fds e começar mais uma semana de atividade... E vamos entrar no clima e começar a semana conhecendo e orando por mais um país? Hoje é a vez do Vietnã. Conhece? Não?? Vai conhecer agora. E se já conhece, vamos juntos adotar ele em oração?



Vietnã




Dados gerais

Capital
Hanói

Governo
Estado comunista, chefiado pelo presidente Nguyen Minh Triet desde junho de 2006

População
88,5 milhões (28% urbana)
Área: 329.566 km2
Localização: Sudeste da Ásia
Idiomas: Vietnamita, francês, chinês, khmer e dialetos regionais
Religião: Budismo 85%, cristianismo 8%, caodaísmo 3%, hoa hao 2,6%, outras 1,4%
Perseguição: Limitações severas
Restrições: O governo monitora reuniões religiosas. Líderes cristãos são espionados ou interrogados





O Vietnã localiza-se no Sudeste Asiático. Seu território caracteriza-se pelas planícies alagadas nos deltas do Rio Vermelho ao norte e do Rio Mekong ao sul, e por montanhas nas regiões norte e central. 

População

A maioria da população habita pequenos vilarejos rurais. Quase todos os vietnamitas pertencem à etnia quine, mas há alguns grupos étnicos minoritários, como os chineses e os haos. Há etnias que habitam nas montanhas do planalto central do Vietnã, e são conhecidas coletivamente como montagnards (em francês) ou degar (em vietnamita). 

Metade da população vietnamita professa o budismo, enquanto uma pequena parcela segue outras religiões sincréticas. 



História e Governo


A nação vietnamita possui muitas cicatrizes deixadas pelas diversas formas de tormentos e agressões que já sofreu. Desde 1941, o país tem passado por guerras e dificuldades, em parte como consequência da instauração do governo comunista em 1945.

Em 1975, o Vietnã do Norte, de orientação comunista, conquista o Vietnã do Sul depois de três décadas de conflito. O país é reunificado no ano seguinte. Em 1978, o Vietnã invade o Camboja e inicia um conflito que duraria até 1989, quando as tropas vietnamitas se retiram do território cambojano.

O Vietnã é controlado pelo Partido Comunista e o sistema legal baseia-se em uma mescla do código civil francês e da doutrina comunista. O atual presidente, Nguyn Minh Triet, e o secretário geral do partido, Nong Fuc Manh, têm combatido a corrupção e lutado por uma reforma econômica. 



A Igreja


As atividades missionárias cristãs, em particular as dos franceses, começaram no século XVII.

Formada em 1929, a Igreja Evangélica do Vietnã, ou Hoi Thanh Tin Lanh Vietnam, é a maior denominação protestante e a mais antiga do país. Ela é fruto do trabalho de missionários norte-americanos.

A Igreja vietnamita é uma minoria no país, abrangendo cerca de 8,1 milhões de pessoas ou 10% da população do país. Desse total, 6,5 milhões são católicos, o que faz do Vietnã o segundo país com maior população católico da Ásia (em primeiro lugar estão as Filipinas).

 Dois terços dos protestantes pertencem às minorias étnicas tribais, sendo que a metade delas já foi alcançada pelo evangelho. O governo permite o trabalho de organizações cristãs no país, especialmente daquelas que procuram atuar nas áreas de desenvolvimento e ajuda humanitária.



A Perseguição


Teoricamente, há liberdade religiosa no Vietnã. Para retirar o Vietnã da relação de Países de Preocupação Específica - uma lista compilada pelos Estados Unidos com países que violam direitos humanos e aos quais eles impõem embargos comerciais -, o governo relaxou na perseguição contra os cristãos.

Há relatos de comunidades recebendo permissão do governo para se reunir em grandes grupos. Aproximadamente 40 grupos domésticos protestantes foram registrados em 2007 no Norte do país.

Assim, o maior violador da liberdade religiosa no Vietnã deixou de ser o governo central e passou a ser o governo local ou os chefes das tribos. O respeito à liberdade religiosa em uma vila depende do quanto o líder da vila é comunista. Quanto mais comunista, mais violações existem. A perseguição contra os crentes se tornou mais localizada e, por consequência, mais difícil de monitorar.

Entretanto, ainda há restrições. O governo monitora reuniões e líderes religiosos. A comunidade religiosa ainda precisa registrar-se para funcionar, mas esse processo ficou mais fácil.

Em 1999, um decreto estabeleceu a liberdade religiosa, dando aos cidadãos o direito de escolher e mudar sua opção religiosa. No entanto, o próprio decreto de 1999 adverte sobre as punições para quem utilizar a religião com o intuito de prejudicar o Estado. Em abril de 2001, o governo vietnamita reconheceu oficialmente algumas igrejas evangélicas pertencentes à Igreja Evangélica do Vietnã. Foi a primeira vez que a organização obteve um status de legalidade desde o fim da Guerra do Vietnã, em 1975. 



Motivos de Oração


1. Os cristãos vietnamitas foram intensamente perseguidos no passado. Agradeça a Deus pela crescente abertura. Ore para que o governo vietnamita permita que mais ministérios cristãos forneçam ajuda humanitária, educação e apoio aos orfanatos no país.

2. A Igreja vietnamita está encarando as dores do crescimento. Louve a Deus pelo enorme crescimento da Igreja. Ore para que cristãos sejam mobilizados em todo o mundo, permitindo que recursos sejam levantados para apoiar e treinar os líderes da Igreja no Vietnã.

3. Líderes cristãos do planalto central têm de percorrer longas distâncias para visitar e ministrar às suas congregações. Ore por esses pastores, para que as dificuldades não os desanimem em seu ministério.






Pois é povo de Deus, quando a gente pensa que as coisas estão ruins pro nosso lado... É só olhar num país desse e se imaginar lá, indo pra igreja, de Bíblia debaixo do braço... Se imaginou? Seria quase que impossível se imaginar, porque se você chegasse à igreja, seria um milagre de Deus, ainda mais com uma Bíblia... E às vezes a gente fica reclamando e acha até vergonha levar a Bíblia pra igreja... Se pra igreja é dificil, imagina pra escola, pro trabalho... Acho que é bom a gente dar mais valor à Palavra, antes que ela seja tomada de nós...
É isso aí, gente, e como eu fiz há um mês atrás, eu gostaria de deixar uma canção pra você. Chama-se A Colheita, de Alda Celia. A mocidade da minha igreja canta esse hino, que eu acho muito bonito. Medite na letra dele. Ela vai falar com seu coração.


Voz do que clama em meio ao deserto
Prepara o caminho do meu Salvador
Grita nas praças, nas ruas, nos campos
Prepara o caminho do meu Salvador

Toca a trombeta em Sião
Não despreze as feridas das suas mãos

Este é o tempo de lançarmos a rede
Pregar a palavra, viver o evangelho
Este é o tempo de quebrantamento
A Colheita chegou

A Hora é chegada, o tempo é este e Ele vem...



Ide fazei discípulos de todas as nações, porque ele vem.
O espírito e a noiva dizem vem... 



Até breve, meus amores, se Deus quiser!! Ah, e orem pelo Vietnã!!

1 Response to "Missões"

  1. Temos que nos decidir quanto ao Evangelho, como vc postou, as vezes sentimos vergonha de professar nosso Deus, enquanto devíamos nos orgulhar Dele, agradecer por vivermos num País que nos dá Liberdade para O louvar em qualquer lugar...Vamos pensar mais SOBRE este assunto que é da mais alta relevância...
    Vamos nos Orgulhar de Cristo e fazer Missões na escola, trabalho...enfim onde nos for OPORTUNO!!!

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10