Igreja Perseguida

Por: Ana Eliza Oliveira                                                              





Olá moçada linda e maravilhosa!! Hoje é segunda, dia de começar a trabalhar, de estudar, e dia de nos informarmos sobre Missões. Para mim, esse é o lado bom da segunda-feira!! (=D) Hoje vamos falar sobre um país que tem uma influência econômica muito forte no mundo, e um país cheio de culturas milenares, e claro, carente de nossas orações. Ling ling ling, falaremos hoje da...




China

Dados gerais :


Capital:
Pequim
Governo:
Estado comunista, chefiado pelo presidente Hu Jintao desde março de 2003
População:
1,34 bilhões (43% urbana)
Área:
9.596.961 km2
Localização:
Leste da Ásia
Idiomas:
Mandarim, dialetos chineses
Religião:
Sem religião e ateus 50,3%, crenças populares 32,6%, budismo 8,4%, cristianismo 11,1%, islamismo 1,5%
Perseguição:
Limitações severas
Restrições:
O registro das igrejas é obrigatório e a evangelização é proibida fora das comunidades registradas. A evangelização de jovens com menos de 18 anos de idade não é permitida e pastores podem ser presos e sentenciados a campos de trabalhos forçados


A China é o terceiro maior país do mundo e possui a maior população do planeta. Além disso, as maiores altitudes do globo encontram-se em seu território. A maior parte da população chinesa vive na região leste, concentrada principalmente em 42 grandes cidades, todas com mais de um milhão de habitantes.

População
A cada ano, nascem aproximadamente 16 milhões de pessoas na China. ( =o )
Os chineses se comunicam em mais de 600 dialetos e se dividem em quase 200 grupos étnicos, dos quais 55 são oficialmente reconhecidos.
Mais de 90% da população é alfabetizada. Embora a China seja uma das economias que mais crescem no mundo, 130 milhões de chineses estão abaixo da linha de pobreza, e a renda per capita anual é inferior a US$ 500.
Mais da metade dos chineses dizem não ter religião. Da outra metade, 36,6% professam crenças locais e o budismo. Os cristãos são estimados em 11% aproximadamente.

História
A história da China remonta a 22 séculos antes de Cristo e o povo chinês orgulha-se de pertencer a uma das mais antigas civilizações do mundo.

O nome "China" surgiu na dinastia Qin (221-206 a.C.), quando Qin Shi Huang era imperador, e significa "Reino do Meio", pois os antigos chineses se consideravam o centro do mundo.
Uma sucessão de dinastias governou o país até 1911, quando o médico Sun Yat-sen derruba a dinastia que detinha o poder e é proclamado presidente.
Na década de 1920, Chiang Kai-shek, do Partido Nacionalista, chega ao poder. No entanto, o Partido Comunista, fundado em 1921, entra em luta contra o partido de Chiang pelo controle do país. Por um breve período, as duas facções promovem uma aliança para combater a invasão japonesa, mas retomam o conflito após a rendição do Japão na II Guerra Mundial.
Mao Tsé-tung e os comunistas alcançam a vitória em 1949, enquanto o Partido Nacionalista, de Chiang, batia em retirada para Taiwan. Ambos os partidos, porém, ainda reclamam a soberania sobre toda a China.

Governo
Embora oficialmente a China tenha um governo comunista, na prática, ela é governada por homens e não por sistemas ou leis. Aqueles no poder anseiam por estabilidade acima de tudo e esmagam impiedosamente qualquer um que julguem ser uma ameaça.
O Partido Comunista mudou de forma significativa desde os dias de Mao. Durante o mandato de Deng Xiaoping, sucessor de Mao, as portas da China se abriram novamente para o resto do mundo e, desde então, o comércio exterior com países ocidentais tem sido encorajado.
Hoje, a ideologia comunista permanece firme, porém, economicamente, o capitalismo é a ordem do dia. Depois de quase cinco anos na direção, Hu Jintao é cada vez mais considerado socialista, e não o liberal que reformaria a política, a economia e a sociedade, como o mundo esperava. No entanto, ele continua mostrando que se interessa pelas mesmas coisas que o povo. Fez isso ao declarar guerra contra a corrupção e a disparidade econômica entre os ricos nas cidades e os pobres na zona rural.
Uma forma do socialismo progressivo está sendo implementada, mas os chineses não o chamam democracia; em vez disso é chamado de "socialismo com características chinesas".

Motivos de oração
1. Louve a Deus pelo assombroso crescimento da Igreja. Ore para que a perseguição seja atenuada, para que materiais de treinamento sejam desenvolvidos e para que as Bíblias tornem-se cada vez mais acessíveis, impedindo assim o avanço de heresias.
2. Os líderes cristãos chineses sofrem muito pelo evangelho. Ore pelos milhares de evangelistas e pastores chineses que enfrentam noites de insônia, separação de suas famílias, reuniões secretas e risco de prisão a fim de pastorear seus rebanhos. Muitos têm treinamento insuficiente e poucos recursos, mas ainda assim viajam constantemente para compartilhar o que sabem.
3. O crescimento econômico chinês é visto como um grande desafio para a Igreja. Os cristãos chineses julgam que a perseguição é uma bênção. A principal preocupação dos pastores é o efeito que o materialismo decorrente da crescente economia chinesa pode provocar nos cristãos.
4. Muitos pastores têm sido enviados a campos de trabalho. A comida é ruim e o trabalho é muito pesado, porém muitos são capazes de pregar e formar igrejas dentro dos campos. Alguns o fazem de forma tão eficiente que são até confinados na solitária para evitar que preguem o evangelho.
5. A Igreja sofre com a grande falta de unidade. Muitos líderes das igrejas registradas e das não-registradas têm medo e desconfiança entre si. Alguns acusam o Movimento Patriótico das Três Autonomias de traição, enquanto seus líderes acreditam que as igrejas não-registradas estão em pecado por agir contra o governo. Ore para que estas divisões entre os líderes sejam eliminadas e haja reconciliação entre eles.
6. A China sofre com a falta de recursos para a evangelização. Louve a Deus pelas muitas ferramentas de evangelismo que são levadas ao país todos os anos. Materiais impressos e vídeos resultam em inúmeros novos convertidos por cópia distribuída. Ore para que a quantidade de materiais levados ao país aumente.

 



Gente, como a China é interessante, né? Mas seria um país melhor se conhecesse a Deus. É como diz aquele versículo: "Feliz é a nação cujo Deus é o Senhor, e cujo povo Ele escolheu por herança (salmo 33:12). O país mais populoso do mundo, em 12º lugar na classificação por érseguição está esperando nossa ação para ser salvo. E aí, já está agindo? Vamos orar e contribuir com missões, porque a chamada é urgente... Pos é, por hoje é isso, mas não se lembre da China apenas hoje, e nem quando você compra aqueles produtos escrito: made in China.(=P). Lembre-se da China na hora das suas orações. Anote esses motivos de oração aqui citados e leve com você. A China precisa de nós! E até semana que vem, se Deus quiser!!
 
Abraços!!

0 Comentários em "Igreja Perseguida"

Postar um comentário

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TEXTOS MAIS ACESSADOS