Quanto aos inimigos...

Decidi escrever meu primeiro post, após um fato “triste” que aconteceu essa semana em minha faculdade. Não vem ao caso explicitar o fato, porém essa introdução se faz necessária de forma a mostrar que os acontecimentos em nossa vida podem ser (e em minha opinião, sempre são) úteis para um aperfeiçoamento do nosso caráter. No meu caso, Deus decidiu dar uma revisão na matéria que eu, apesar de ter aprendido, já havia esquecido.

O Senhor me fez lembrar das palavras de Jesus a respeito dos nossos “inimigos”: Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo, e odiarás o teu inimigo. Eu, porém, vos digo: Amai os vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem. S. Mat. 5:43 e 44.

É muito comum quando alguém tem uma atitude desagradável, seja conosco, ou com pessoas próximas, que nós resolvamos isso a nossa maneira; não raro promovendo inimizades pelas coisas que dizemos, ou por atitudes grosseiras. Porém, o Senhor Jesus nos ensina um caminho diferente, que exige de nós um autocontrole muito grande, encontrado somente na oração, onde o Espírito Santo se faz presente, desenvolvendo em nós o caráter de Cristo. Por nós mesmas não somos capaz de controlar nossos impulsos, nosso desejo de vingança, afinal nosso senso de justiça, de justo não tem nada, afinal já foi dito que nossa sabedoria é loucura pra Deus.

Não fomos salvo por justiça, mas sim por graça, e essa mesma que nos foi oferecida devemos oferecer ao próximo, como forma de glorificar o nome de Jesus mostrando a nossa diferença para o mundo. Então, Ele concluiu a sua “aula” dizendo que nossa força se aperfeiçoa na fraqueza, ou seja, quando somos fracos é que somos fortes. O mundo vê força como reagir, Deus vê força quando você devolve o mau com o bem, afinal não foi isso que Jesus fez na cruz? Todos o matavam, e mal sabiam que quem estava os matando era Ele. As coisas velhas já passaram; o velho homem já morreu pelo sangue derramado calvário. Então não se esqueça de que você é um testemunho vivo dessa nova natureza, e Ele sabe o quanto é difícil, porém, a mesma força que esteve com Ele quando enfrentou a cruz, está com você hoje, através do Espírito Santo.

Deus abençõe á todos!

1 Response to "Quanto aos inimigos..."

  1. Pai, perdoa as nossas dívidas, assim como nós perdoamos nossos devedores...

    Lindo post!

    ResponderExcluir

Fique a vontade para comentar e dar sua opinião.
ELA É DE RELEVANTE IMPORTÂNCIA PARA NÓS!

Identifique-se, pois queremos estar sempre em contato direto com nossos leitores!

Obrigado por acompanhar, divulgar e orar pelo blog O Semeador!
Que Deus abençoe sua vida, em nome de Jesus!

Blog Archive

TOP 10